quarta-feira, 12 de julho de 2017

OS PERFEITOS





Julho 12, 2017



Carcassonne - reduto dos Cátaros - Foto : Lionel Montigo / GTRES


"Os cátaros tinham uma filosofia que os levava a uma grande sabedoria, uma grande compreensão do ser, um grande respeito e muito amor". (Falamos de "filosofia" porque esta palavra corresponde a mais próxima da realidade). Eles colocaram muito amor em seu comportamento e praticaram isso ajudando uns aos outros e, devido ao fato de que sua filosofia não corresponder com as crenças de seu tempo, eles incomodaram enormemente as religiões.

Eles não só incomodaram as religiões! Eles tinham um poder oculto, o poder dado a todo homem que alcançou um certo nível de sabedoria e que se libertou de seus obstáculos. Os cátaros que alcançaram um certo nível espiritual e que se libertaram de seus obstáculos tiveram capacidades incomuns que criaram medo aos homens daquela época.

Na época atual em que tudo parece muito difícil, você ainda é abençoado! Nosso canal pode se expressar sem ser queimado em uma estaca ou ser destruído de uma forma ou de outra! Você ainda tem a possibilidade de se abrir cada vez mais à espiritualidade sem ser bloqueado ou preso; Você é livre em espírito.

Não importa o que aconteça agora, você avançará! Você possui a coragem de não se permitir a ficar preso a qualquer coisa, a qualquer religião ou filosofia. Você possui a coragem de permanecer livre e ninguém pode aprisioná-lo em nada, porque você adquiriu discernimento, mesmo que às vezes você ainda se questione em relação àqueles que o cercam; no entanto, neste nível espiritual você encontrou o caminho que você seguirá para o resto de sua vida.

Os cátaros, que alguns chamavam de "os perfeitos", não eram, obviamente, perfeitos, porque um ser humano nunca é perfeito quando está nesta matéria!

Você está submetido à vibração da matéria, você está em processo de se tornar perfeito, mas você não pode ser perfeito enquanto você possuir um corpo material, mesmo que você consiga elevar sua própria vibração consideravelmente.

Os cátaros, os "perfeitos", obviamente estavam bem antes do seu tempo! Vocês que nos escutam ou nos leem podem ser cátaros. Você poderia fazer parte dos perfeitos porque sua consciência está aberta, porque você respeita o outro, porque está ciente do que deve fazer e não faz, porque você tem na parte mais profunda de você a grande força de vontade para avançar na Sabedoria e no Amor.

Você poderia muito bem ser aqueles que, naquela época, eram chamados de "Perfeitos". No entanto, o que é a perfeição? No nível espiritual, o que é a perfeição?

A perfeição corresponde à evolução do momento! A perfeição está em mutação permanente, em uma transformação permanente porque o que é perfeito hoje para você, seja nos relacionamentos da sua vida, na sua vida afetiva ou na sua vida espiritual, será menos perfeito  amanhã, porque você terá evoluído e você sempre estará procurando a Perfeição e o equilíbrio.

Portanto, na época dos cátaros, os perfeitos não eram perfeitos e eles sabiam disso. Eles acreditavam em Deus e oravam por ele. Eles estavam fortemente conectados a Deus, mas não tinham necessidade de sacerdotes ou eclesiásticos para orarem para ele. Eles se conectavam diretamente à Fonte; eles tiveram uma consciência que você também adquiriu. Como você, durante suas meditações, eles se ligaram a Deus ou à Parte Divina que habitava neles enquanto isso habita em cada um de vocês.

Ter essa consciência já é um grande passo na evolução. Se muitos outros seres humanos tivessem consciência que são partes de Deus, se eles estivessem cientes que a Faísca Divina vive em cada uma deles, haveria muito menos violência, muito menos sofrimento e muito mais respeito, fraternidade e Amor!

As revoluções, religiosas, culturais ou sociais, nunca fizeram parte  da maioria! São sempre formadas por minorias fortes, poderosas em seu amor e em sua profunda convicção de poder mudar as coisas. As verdadeiras transformações não provêm das massas de seres humanos porque a massa de humanos geralmente está dormindo um sono pesado, estão lerdos e são facilmente manipulados.

Para evoluir, há necessidade de estarmos despertos, focados e com coragem, de poder doar constantemente de si mesmos, que podem fazer o presente sagrado de dar a vida através do Amor.

Isso não é o que está sendo solicitado a você! O que é solicitado a você é simplesmente estar ciente de quem você é e do que é, e de nunca perder essa consciência! O que é pedido a você é amar você mesmo! Se você não pode amar a si mesmo, esteja ciente de que amar a si mesmo é a sua divindade, a alma da sua mãe que você ama, que você honra.

O que está sendo pedido a você é libertar-se de seus obstáculos, libertar-se de tudo o que o retarda, para que sua consciência possa se iluminar cada vez mais! Todos os véus inúteis devem ser removidos para que você possa ter outra forma de respeito sobre si mesmo e que você possa recuperar as faculdades do espírito que estão dormentes em você e que apenas pedem para se expressarem.

Essas faculdades do espírito são, obviamente, a telepatia, a capacidade de se comunicar com os planos invisíveis, a de perceber um pouco o futuro ou de receber mensagens que o ajudem.

Também é solicitado que você quebre suas correntes. Isso significa, libertar-se dos seus laços com o passado.

De qualquer forma, o que não é feito na consciência da renovação será feito de uma forma ou de outra! Esta imensa transformação da vida ocorrerá de uma forma mais ou menos aceitável, será fácil ou difícil dependendo do terreno que você preparou!

Imagine que você é um trabalhador cuja missão é trabalhar na parte mais profunda de si mesmo para destruir todas as ervas malignas. Às vezes, essas ervas malígnas devem ser retiradas uma a uma porque, durante o trabalho, pode ter ficado uma raiz enterrada e crescerem de novo, poluindo-o novamente. Quando seu terreno interior for suficientemente trabalhado um novo estado de ser e uma nova vida vai florescer nele!

Não importa o que você precise viver, você vai viver com confiança, fé, serenidade e Amor!

Você trabalhará neste campo uma e outra vez até que não haja mais erva daninha ruim. Então você semeará as múltiplas facetas do Amor, aquelas que você entendeu. Você semeará todas as alegrias que você descobrirá em você e ao seu redor. Você semeará este campo com flores de mil cores que representarão o que você se tornou (não apenas as cores dos seus centros de força, mas também as cores que você desconhece e que realmente existem).

Imagine o dia em que, ao despertar, você esteja ciente deste campo maravilhoso que você trabalhou por tantas vezes e que você verá flores multicoloridas espalhadas pela beleza, pelo amor, pela sabedoria e pela alegria. Você nunca se cansará de ver o que você se tornou, de ver esse magnífico campo que exigiu tanto trabalho e coragem de você! "


Por: Monique Mathieu





Tradução : Sônia L. Pereira







Nenhum comentário:

Postar um comentário