quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

O POVO CIGANO






Dezembro 03, 2015







As tradições budistas afirmam que Agharta foi colonizada primeiro a muitos milhares de anos atrás, quando um homem santo levou uma tribo que desapareceu no subsolo.



Cigana do Oriente


Os Ciganos são supostamente oriundos de Agharta. O que explica sua agitação sobre a superfície da Terra e as suas constantes viagens para recuperar o seu lar perdido. Esta vontade lembra a Noé, que foi realmente um atlante, que salvou um grupo merecedor, antes da chegada da inundação que submergiu Atlântida. Acredita-se que o seu grupo foi para o planalto do Brasil e estabeleceu cidades subterrâneas, ligando à superfície através de túneis, a fim de escapar do envenenamento radioativo por precipitação da guerra nuclear de Atlântida, o que causou a inundação que submergiu seu continente. 



Cidade de Agharta



E aqui é outra história ...


Quando os Olets destruíram Lhasa, um de seus destacamentos foi para o sudoeste penetrou nas montanhas nos arredores de Agharta. Aqui eles aprenderam algumas das ciências misteriosas menores e as trouxe para a superfície do nosso planeta. Esta é a razão pela qual Os Kalmyks são Olets artísticas e feiticeiros e profetas. Também a partir do país oriental algumas tribos de preto entraram em Agharta e viveu lá por muitos séculos.



Kalmyks



Depois de serem expulsos daquele reino e voltar à Terra, trazendo com eles o mistério de acordo com as previsões por cartas, ervas e leitura das linhas da palma da mão. 



Eles são ciganos ...



Povo Cigano






Em algum lugar no norte da Ásia, há uma tribo, que agora está morrendo e que entrou na caverna de Agharta, eram especialistas na evocação de espíritos dos mortos flutuando no ar. 

Em Agharta, os sábios Panditas  escreveram em tábuas de pedra toda a ciência do nosso planeta e de outros mundos. Os chineses aprenderam com budistas  e sabem disso. A sua ciência é a mais elevada e mais pura.


A cada século, cem sábios da China se reúnem em um local secreto no mar, e das profundezas vem centenas de tartarugas que vivem para sempre. Em seus cascos os chineses escrevem todos o desenvolvimentos da ciência divina do século. 


As tartarugas vivem mais de três mil anos sem comida e ar e esta é a razão pela qual em todas as colunas do Templo do Céu Azul foram colocadas tartarugas vivas para preservar a madeira podre.



Templo do Céu Azul - China



Por várias vezes os Pontífices de Lhasa e Urga enviaram emissários ao Rei do Mundo, disse o bibliotecário de Lama, mas não conseguiu encontrá-lo. Apenas um certo líder tibetano, após uma batalha com os Olets, encontrou uma caverna com a inscrição:



"Esta é a porta para Agharta."





A partir da caverna, um bom homem apareceu, entregou uma tabuleta de ouro com sinais misteriosos e disse:


"'O Rei do Mundo será exibido antes de todas as pessoas, quando chegar a hora dele levar todas as pessoas boas do mundo contra todo o mal, mas o tempo ainda não chegou.



O pior entre os seres humanos ainda não é nascido. "






2002


Fonte :  BulingtonNews


Tradução para espanhol :  Adela Kaufmann




Publicação : Biblioteca das Pleyades



Tradução para o português : Sônia L. Pereira


Postagem : Mostradores da Luz







Nenhum comentário:

Postar um comentário