segunda-feira, 18 de agosto de 2014

O UNIVERSO NÃO SABE O QUE É O BEM


Agosto 18, 2014














O entendimento desse conceito foi de grande importância no processo do meu despertar porque foi a partir daqui que pude compreender, seja através da ciência pragmática, seja através da ciência holística o fundamento de todas as formas e de como isso é muito importante para entendermos se quisermos atrair para nós tudo o que queremos e necessitamos.




O Universo apenas devolve tudo aquilo que emitimos, seja através do pensamento, de sentimentos, de palavras. Tudo para o Universo é energia e tudo o que é emitido é devolvido, tal qual um bumerangue.




A ciência pragmática da física, esta mesma que estamos habituados a comprovar em experimentos, descreve muito bem esse fator na Lei de Newton, no Princípio da Ação e Reação. Este princípio é entendido da seguinte forma: "Se um corpo A exerce uma força sobre um corpo B, o corpo B reage em A com uma força de mesma intensidade, mesma direção, mas de sentido contrário." Ou seja, tudo o que vai, volta. O Universo atua como um espelho que reflete tudo o que emitimos.




Partindo desse princípio podemos entender que nosso pensamento, nosso sentimento e nossas palavras tem força porque tudo é energia.




Podemos aqui fazer algumas colocações quando questionamos o por quê devemos seguir a Luz ao invés das Trevas. Devemos nos questionar sobre o por quê de seguir a Luz pois que esta abre um leque de perspectivas de tal forma que nos tornamos mais conscientes, nos faz crescer em todas as direções, nos traz bem estar físico, mental e emocional; e nos traz o crescimento físico, emocional, material e espiritual. Devemos questionar o por quê das Trevas nos prender e nos escravizar seja em sentimentos e apegos. Devemos questionar ainda o por quê a Luz nos faz entender que somos livres para sermos o que quisermos. E, ainda, devemos questionar qual a importância de entender o que tudo isso tem haver com o Universo, energias, leis da física. E o que tudo isso tem haver com as nossas vidas e/ou nossas vivencias. 




Devemos entender, em primeiro lugar, uma simples verdade, pois que na Luz existe energia e nas Trevas ou na escuridão não existe energia. E o Universo funciona com a energia e não com sua falta. Quando se fala em Deus como nos conhecemos, estamos falando da Luz. Deus também é chamado de Fonte da Luz ou Luz Cósmica.




Um simples exemplo disso podemos ver na natureza, onde existe a luz do Sol a vida se desenvolve, como podemos ver nas plantas e nos animais que sempre buscam a luz. Já em um ambiente com pouca luz nascem poucas plantas e vivem poucos animais ou nenhum deles.




Tal qual em nossas vidas, pois que onde colocamos a energia da luz muitas coisas se transformam e prosperam; e onde colocamos pouca luz as coisas ficam estagnadas.




Agora, como entender onde colocar a energia certa nas nossas vidas ou quando não estamos iluminando as nossas vidas ? E o que tem haver o conceito de bem e de mal que o Universo não entende ?




Devemos ter consciência de que ninguém é bonzinho e o Universo também não é bonzinho!




Também devemos ficar conscientes de que fazer o bem e sermos bons não significa que isso vai mudar alguma coisa nas nossas vidas porque em tudo isso é preciso colocar energia. Muitas pessoas não compreendem o motivo de serem tão boas e, no entanto, são tão sofredoras.




Precisamos compreender de uma vez por todas que esse conceito de bem e de mal significa apenas um conceito social criado para o nosso condicionamento e para nos manipular. Com esses conceitos também podemos gerar a culpa e o medo. E, na verdade, o comportamento benevolente e empático é muito mais bem visto socialmente. Afinal, é mais bonito ser bom do que ser mau. 




Mas esse conceito só possui um significado apenas para a sociedade e não para o Universo. Quantas pessoas têm um comportamento aparentemente louvável socialmente, mas elas mesmas não são ou não querem ser nada disso, e estão apenas mostrando algo que nunca foram e não gostariam de ser.




Nesse sentido, voltando ao significado da luz e das trevas, ser bonzinho socialmente não significa que a pessoa está colocando a luz do Sol no jardim da sua vida, as suas plantas e os seus animais não crescem nem se desenvolvem, porque não há luz.




É preciso entender que não há altruísmo na Luz, não há benevolência na Luz e não há sofreguidão na Luz. A Luz é apenas energia. 




É preciso entender que Deus não é um conceito de ser bom, e os Anjos que vivem nas dimensões superiores não fazem o bem apenas por seres bons. Todos apenas são Luz. Porém, na Luz existe o bem.




É preciso entender que nas Trevas ou nas baixas vibrações não há Luz, e sem a energia da Luz não há a elevação da alma. Nas trevas existe o sofrimento, a culpa, o medo, a raiva, o ódio, o apego.




Um exemplo das baixas vibrações é fazer o bem e sofrer, é ser bom e sentir raiva, ou fazer o bem e estar apegado a alguém ou a alguma coisa. 




Outro exemplo das baixas vibrações é se sentir ofendido quanto uma outra pessoa nos agride seja física ou verbalmente. Isso é uma situação pela qual passamos muitas vezes, e quase sempre em nossas vidas. Mas como compreender que não devemos nos ofender as agressões sofridas ?




Nesse sentido, devemos passar a entender o que significa a raiva. A raiva nada mais é do que uma defesa; e, se alguém nos agride, aquela pessoa está apenas se defendendo. É só isso!




Pois bem, já que a raiva é apenas uma defesa de uma outra pessoa que nos agride com ofensas, então, como podemos agir nessa situação sem nos ofender ? 




Não aja, apenas deixe passar. 




Faça "cara de paisagem". 




Lembre-se que os Anjos não permanecem onde as energias estão baixas porque suas energias são mais elevadas. Pensando, então, como os Anjos, também devemos nos afastar daquela situação se quisermos manter nossas energias elevadas. E as agressões passam. Simples assim! 




Diante dessas possibilidades, como podemos, então, manter a vibrações elevadas diante de tantas agressões que estão acontecendo por todo o mundo. São tantas notícias desagradáveis e violentas que se torna muito difícil elevarmos as nossas energias. Pensando assim, como podemos deixar de nos sentir ofendidos perante a realidade nua e crua de um planeta que está à beira de um cataclismo, de ser destruído pela ganância, pelo ódio, pelo interesse de uns poucos que não se importam com o sentimento e com a vida de mais ninguém ?




E, ainda, se pensarmos em manter as vibrações elevadas e que devemos nos afastar de agressões e ofensas, para onde devemos ir para nos afastar de um mundo tão sofrido ? 




Pensando assim, devemos nos reportar ao conceito do Universo, ele não sabe o conceito do bem ou do mal, apenas devolve as energias que são transmitidas. Nesse sentido há um paradoxo aqui, pois que se a nossa realidade está tão ruim, então, em certo momento desde a algum tempo lá atrás foram enviadas determinadas energias para o Universo para ele nos devolver tantas tristezas. E se houve esse procedimento alguma vez, não seria tão difícil fazer novo procedimento de emissão de energias para o Universo para que ele nos devolva energias melhores ou a energia correta. Isso se mostra no mínimo coerente.




E, se pensarmos que está realidade imposta pode ser mudada para uma realidade melhor, então, nós, formadores de pensamento e de sentimentos podemos transformar essa realidade. E podemos!




Como podemos ver não há nada de bonzinho nesse processo, tudo é apenas energia.




Os Seres de Luz que vivem em dimensões superiores sabem disso. Na verdade, tudo o que está acontecendo conosco aqui na Terra reflete não apenas aqui mas em todo o Universo. Por esse motivo muitos desses Anjos estão nos ajudando no agora para que possamos aprender a mudar a nossa realidade e a nossa frequência de energia. Eles não fazem isso porque são bonzinhos, eles também precisam que nossa realidade se transforme para melhor porque isso influencia nas dimensões onde eles vivem. Bem como nós que precisamos mudar as vibrações aqui onde vivemos porque só assim vamos mudar a nossa realidade para melhor.




Assim, quando alguém que desperta procura ajudar aos que estão despertando suas consciências não é porque este ascensionante é bonzinho e altruísta; ele age desta forma porque quer mudar a realidade do planeta para que a vida se torne melhor. Nesse sentido, quanto mais pessoas compreenderem o sentido de que somente elevando sua própria vibração estará se juntando a tantos outros mais no planeta que estão trabalhando e se trabalhando nas vibrações elevadas com a finalidade de enviar essas altas vibrações para o Universo. E só assim o Universo devolverá as energias corretas para que possamos construir um mundo melhor. 




Quando ouvimos falar em "massa crítica" significa exatamente alcançar um número cada vez maior de pessoas que possam emitir vibrações elevadas para o Universo. Quanto mais pessoas despertas em suas consciências, mais pessoas compreenderão que mudar a frequência para vibrações elevadas mais rápido podemos mudar a nossa realidade.




Afinal, quanto mais emitirmos a Luz, mais Luz será refletida para nós e para nossa realidade.




Pense nisso.



Por Sônia L Pereira





















Nenhum comentário:

Postar um comentário